Valor do seguro obrigatório cairá 63,3% no ano que vem

Seguro obrigatório vai ter redução Arquivo/Agência Brasil Os motoristas pagarão menos seguro obrigatório em 2019. O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), vinculado ao Ministério da Fazenda, aprovou hoje (13) a redução média de 63,3% do valor do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT) no próximo ano. Homens recebem 75% das indenizações do DPVAT As reduções ocorrerão de forma diferenciada conforme o tipo de veículo. Automóveis particulares, táxis e carros de aluguel, veículos ciclomotores e máquinas de terraplanagem, tratores, caminhões, pick-ups, reboques e semirreboques terão o DPVAT reduzido em 71%. No caso dos automóveis particulares, a tarifa cairá de R$ 41,40 para R$ 12. Os ônibus, micro-ônibus e lotações terão o seguro reduzido em 79%. Já o seguro para as motocicletas e motonetas, que concentram a maior parte dos acidentes de trânsito que demandam o acionamento do DPVAT, cairá menos e ficará 56% mais barato. Combate a fraudes Em not..

PGR denuncia Agripino Maia e mais dois por desvio de R$ 600 mil

Denúncia pode tornar Agripino réu no STF Marcos Oliveira/Agência Senado – 06.11.2018 A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, denunciou nesta quinta-feira (13) o senador José Agripino Maia (DEM-RN) e outras duas pessoas por associação criminosa e peculato. O órgão estima que foram desviados quase R$ 600 mil ao longo de 84 meses. Agripino nega envolvimento em irregularidades. Se a denúncia for aceita pelo STF (Supremo Tribunal Federal), Agripino se tornará réu na ação. O senador já é réu na Corte pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e uso de documento falso. Agripino é acusado de nomear e manter durante sete anos um funcionário fantasma ligado ao seu gabinete. As investigações apontam ainda que Victor Neves Wanderley repassava a remuneração recebida do Senado a Raimundo Alves Maia Júnior, que era a pessoa que efetivamente prestava serviços ao senador. Janot atribui a senador Agripino Maia 'estratégias de lavagem de dinheiro' Júnior, que era servidor d..

Empresário ameaçado teve de desistir de licitação em Mauá

Dinheiro apreendido pela PF na Operação Trato Feito Divulgação Polícia Federal A investigação da Operação Trato Feito, deflagrada nesta quinta-feira (13) pela Polícia Federal, revela que um empresário da área de locação de veículos teve que "fugir" de um processo de concorrência da Secretaria Municipal de Abastecimento de Águas porque sofreu ameaças. Segundo a Polícia Federal, depoimentos nos autos do inquérito da Trato Feito relatam a saga do empresário que se inscreveu em um pregão aberto para locação de veículos da secretaria e acabou sendo intimidado por um outro concorrente, supostamente integrante de um grupo empresarial que detinha o monopólio e privilégios na administração municipal em troca de propinas milionárias para o prefeito Átila Jacomussi (PSB), preso nesta quinta. A PF prendeu também o secretário de Governo de Mauá, João Eduardo Gaspar. A Operação Trato Feito fez buscas nos gabinetes de 22 dos 23 vereadores de Mauá. Átila e Gaspar já haviam sido presos em maio, ..

50 anos do AI-5: Como era a vida no ‘milagre econômico’ da ditadura no...

Regime militar foi marcado por alto investimento e endividamento Arquivo Nacional Há 50 anos, o governo militar decretava o AI-5 (Ato Institucional número 5), o quinto de 17 grandes decretos emitidos durante a ditadura. Era o início da fase que é considerada a mais repressiva do regime. O período iniciado em 1968 foi marcado pelo fechamento do Congresso Nacional, pela tortura de adversários políticos e pela morte e desaparecimento de mais de 400 pessoas, como indica o relatório da Comissão Nacional da Verdade. Ainda assim, não é incomum que o período do regime militar no Brasil, entre 1964 e 1985, seja lembrado por alguns com certa nostalgia como um tempo marcado por um forte crescimento da economia, que ficou conhecido "milagre econômico". A economia brasileira nunca cresceu tanto - antes ou depois. A taxa média de crescimento nesse período girava em torno de 10% por ano. Mas especialistas notam que o regime militar deixou para o país uma herança maldita para a economia, como o..

Bolsonaro: cirurgia fica para depois de viagem a Davos, diz médico

Cirurgia de Bolsonaro será ano que vem Ricardo Moraes/Reuters - 25.10.2018 O presidente eleito Jair Bolsonaro vai retirar bolsa de colostomia após a provável participação no Fórum Econômico Mundial em Davos na Suíça, no final de janeiro de 2019, disse à Reuters um de seus médicos. "Vai ser depois, não dá para dizer se no fim de janeiro ou início de fevereiro”, afirmou o médico Leandro Echenique. Inicialmente, a expectativa era de que a cirurgia ocorresse agora em dezembro, mas ela foi reprogramada para 20 de janeiro depois que exames no mês passado mostraram "inflamação do peritônio e processo de inflamação entre as alças intestinais", fazendo com que a equipe médica decidisse adiar o procedimento. Bolsonaro foi a São Paulo nesta quinta-feira para se encontrar com os médicos da junta que o assiste desde que foi esfaqueado em Juiz de Fora (MG) em setembro. Veja também Bolsonaro faz pausa na agenda por excesso de trabalho e pouco sono Bolsonaro vai a São Paulo na quinta para no..

Morre Eunice Paiva, símbolo da luta contra o regime militar

Eunice Paiva liderou campanha para encontrar desaparecidos Eduardo Knnap/Arquivo Folha Press A advogada Eunice Paiva, uma das protagonistas do movimento por buscas de desaparecidos no regime militar no Brasil, morreu na tarde desta quinta-feira (13). Ossada de sindicalista morto pela ditadura é identificada após 47 anos Mulher do deputado cassado Rubens Paiva, assassinado em 1971, e mãe de cinco filhos - entre eles o escritor Marcelo Rubens Paiva, Eunice passou mais de 40 anos em busca de esclarecimentos sobre a morte do marido, que nunca teve o corpo encontrado. Teve a vida retratada no livro "Ainda Estou Aqui", do filho Marcelo. Ao lado da estilista Zuleika Angel Jones, a Zuzu Angel, de Crimeia de Almeida, Inês Etienne Romeu, Cecília Coimbra, entre outras mulheres, liderou campanhas pela abertura de arquivos sobre vítimas do regime. Foi a pesquisa independente de Eunice e da família, em grande parte, que levou ao esclarecimento do caso após décadas. Veja também Como é feito..

Dilma Rousseff passa por cirurgia no coração em São Paulo

Dilma fez uma angioplastia em São Paulo Cassiano Rosário/Futura Press/Folhapress - 31.05.2018 A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) foi submetida a uma angioplastia, cirurgia para desentupir artérias do coração, no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. De acordo com o boletim médico, o procedimento foi realizado com sucesso. A petista teve alta nesta quinta-feira (13). Ela foi internada na última terça-feira (11) para a realização de um cateterismo cardíaco (cineangiocoronariografia), exame que verifica o funcionamento do coração e possíveis entupimentos de artérias.

Advogado sugere que João de Deus faça atendimentos escoltado

Defesa tenta manter João de Deus em liberdade Marcelo Camargo/Agência Brasil O advogado do médium João de Deus, Alberto Zacharias Toron, apresentou à Justiça um pedido para que a prisão preventiva de seu cliente não seja concedida. Em audiência com o juiz Fernando Chacha, realizada na tarde desta quinta (13), Toron sugeriu que, se mantida a liberdade, seu cliente estaria disposto a fazer os atendimentos espirituais escoltado por policiais ou, ainda, permitir que sessões sejam gravadas. De acordo com Toron, não há um prazo para que o juiz decida sobre o pedido de prisão, apresentado na tarde de quarta pelo Ministério Público. "Embora não tenha tido até agora acesso aos depoimentos ou ao pedido de prisão preventiva, com todas as limitações apresentei argumentos para que o juiz negasse a prisão", completou. Força-tarefa já recebeu 330 denúncias contra João de Deus Toron chegou em Abadiânia na noite de quarta, horas depois de o MP apresentar o pedido de prisão preventiva. Hoje, en..

Força-tarefa já recebeu 330 denúncias contra João de Deus

MP-GO já pediu a prisão preventiva de João de Deus Cláudio Reis/Eleven/Estadão Conteúdo - 28.11.2017 A força-tarefa montada pelo MP-GO (Ministério Público de Goiás) para atender mulheres que se dizem vítimas do médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, recebeu, até esta quinta-feira (13), 330 mensagens e contatos por telefone. As denunciantes relatam que foram abusadas sexualmente pelo médium durante os atendimentos espirituais na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, interior de Goiás. Ontem, o Ministério Público do Estado pediu a prisão preventiva de João de Deus. Segundo o órgão, as vítimas se identificaram como sendo de Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro, Pernambuco, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Pará e Santa Catarina. A força-tarefa, composta por cinco promotores de Justiça e duas psicólogas, para receber denúncias contra João de Deus por e-mail. As vítimas são chamadas para depois ..

Motoristas de São Paulo pagarão IPVA entre R$ 10,44 e R$ 159 mil

Mais de 17 milhões de veículos devem pagar IPVA Tom Vieira Freitas/Fotoarena/Estadão Conteúdo - 18.01.2018 Os proprietários de veículos registrados no Estado de São Paulo vão desembolsar entre R$ 10,44 e R$ 159.298,64 para quitar o IPVA (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de 2019. As informações são da Secretaria da Fazenda do Estado. O imposto mais em conta (R$ 10,44) será recolhido por 59 donos da motocicleta modelo Brandy Hero Stream 50, fabricada no ano de 1999. O valor estimado do veículo é de R$ 522. Já o imposto mais caro será desembolsado pelos dois proprietários de uma Ferrari modelo F12TDF. Produzidas em 2016, as máquinas custam R$ 3.982.466 e têm IPVA na casa dos R$ 159.298,64, valor suficiente para comprar três carros populares zero quilômetro. O que acontece se eu não pagar o IPVA do meu carro? A motocicleta mais cara, por sua vez, é uma Ducati modelo D16 RR, com cinco donos no Estado. Datada do ano de 2008, a moto custa R$ 143.687 e terá um IPVA..

Esteja conectado

0FãsCurtir
1,371SeguidoresSeguir
9,702InscritosInscrever
- Advertisement -

Últimas postagens

Valor do seguro obrigatório cairá 63,3% no ano que vem

Seguro obrigatório vai ter redução Arquivo/Agência Brasil Os motoristas pagarão menos seguro obrigatório em 2019. O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), vinculado ao Ministério da Fazenda, aprovou hoje (13) a redução média de 63,3% do valor do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT) no próximo ano. Homens recebem 75% das indenizações do DPVAT As reduções ocorrerão de forma diferenciada conforme o tipo de veículo. Automóveis particulares, táxis e carros de aluguel, veículos ciclomotores e máquinas de terraplanagem, tratores, caminhões, pick-ups, reboques e semirreboques terão o DPVAT reduzido em 71%. No caso dos automóveis particulares, a tarifa cairá de R$ 41,40 para R$ 12. Os ônibus, micro-ônibus e lotações terão o seguro reduzido em 79%. Já o seguro para as motocicletas e motonetas, que concentram a maior parte dos acidentes de trânsito que demandam o acionamento do DPVAT, cairá menos e ficará 56% mais barato. Combate a fraudes Em not..

Governo libera 100% de capital estrangeiro nas aéreas nacionais

Avianca entrou com pedido de recuperação judicial no TJ Jose Cabezas/Reuters O presidente Michel Temer assinou hoje (13) medida provisória (MP) que autoriza as empresas de aviação nacionais a terem participação ilimitada de capital estrangeiro. Com isso, deixa de existir o limite de 20% de capital estrangeiro nas aéreas nacionais. A partir de agora, uma empresa brasileira do setor poderá ter 100% de capital estrangeiro. A MP será publicada ainda hoje, em edição extra do Diário Oficial da União. Avianca: Idec diz que serviço ao cliente não pode mudar “Isto resolve um dos principais problemas da aviação brasileira, que é a fonte de financiamento para as companhias de aviação. Com isso, temos a oportunidade de ter a participação do capital estrangeiro no financiamento, independentemente de sua origem”, disse o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, ao anunciar a medida. Segurança nacional O governo negou que a liberação do controle estrangeiro no capital das aéreas ameace ..

TSE rejeita ação do PT contra Bolsonaro envolvendo Havan

TSE rejeita ação do PT contra Bolsonaro Divulgação/TSE O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concluiu nesta quinta-feira, 13, o julgamento da ação do PT contra o presidente eleito, Jair Bolsonaro, envolvendo a rede de lojas Havan, que já tinha maioria para ser rejeitada pela Corte Eleitoral. Por unanimidade os ministros negaram os pedidos do partido derrotado nas eleições presidenciais, que buscavam a inelegibilidade e a cassação do presidente eleito. Havan diz que não foi citada sobre multa do MPT Essa é a segunda ação de investigação judicial contra Bolsonaro julgada, e negada, pelo TSE. Mais cedo, os ministros também arquivaram uma apresentada pelo presidente eleito contra a campanha de Fernando Haddad (PT), que saiu derrotado no pleito presidencial. Portanto, três processos de investigação judicial relativos ao pleito deste ano já foram rejeitados pela Corte Eleitoral. O julgamento nesta quinta foi retomado com o voto do ministro Edson Fachin, que no último dia 4 interrompeu a..